Alternaria raphani (PT) | Syngenta Nederland

You are here

FarMore Technology

Alternaria raphani

[Manchas nas folhas]​

Introdução

Há duas espécies de Alternaria que causam manchas nas folhas, cápsulas de sementes e copas. Elas podem ocorrer independentemente ou como uma contaminação combinada de todas as principais espécies de brássica. As perdas normalmente são resultado dos efeitos sobre aparência e qualidade. Uma espécie relacionada, a Alternaria Raphani, ataca o rabanete.​

Distribuição geográfica

As doenças na folha causadas pela Alternaria ocorrem em todas as partes do mundo, tanto em culturas vegetais quanto no cultivo de sementes.​

Sintomas e diagnóstico

Os sintomas iniciais são pequenas manchas escuras (1 a 2 mm de diâmetro) que lembram padrões de mancha associados a outros patógenos ou problemas fisiológicos. As manchas nas folhas aumentam e ficam marrons, com anéis concêntricos do crescimento fúngico esporulante. Essas manchas em anel características às vezes apresentam um halo amarelo. O desenvolvimento de pequenas lesões secundárias ao redor dessas manchas em anel maiores auxilia no diagnóstico. É difícil diferenciar a A. brassicae da A. brassicicola pelos sintomas na folha, mas a diferenciação é mais fácil tomando-se como base a forma dos esporos em microscópio. Em caso de epidemia, um número bem grande de manchas nas folhas pode se desenvolver, causando a morte das folhas mais maduras. Durante o período vegetativo, a doença se espalha pela cultura e a contaminação pode ocorrer nos caules e nas couves da couve de Bruxelas, bem como nas cabeças de repolho e de couve-flor. A ferrugem na folha de Alternaria também provoca problemas no repolho branco armazenado, embora a contaminação frequentemente possa ser eliminada das folhas externas. No cultivo de sementes, as cápsulas de sementes são danificadas; cápsulas de sementes gravemente infectadas amadurecem prematuramente e perdem o semear.​

Condições para o desenvolvimento da doença

Esses patógenos são transmitidos pelas sementes e ocorrem dentro e fora delas. A semente infectada pode ter uma capacidade de germinação menor e produzir mudas com cotilédones contaminados. Embora os níveis da Alternaria spp. nas sementes tenham sido baixos nos últimos anos, há muitas fontes de contaminação via esporos no ar em resíduos de colheita, culturas adjacentes e ervas daninhas. Além disso, brássicas de forragem e colza também são afetadas. E, em alguns lugares, esporos no ar espalhados durante a colheita dessas culturas também podem ser importantes. A esporulação exige um nível elevado de umidade por no mínimo 12 horas e a contaminação requer um período de umidade foliar de cerca de 10 horas para que a doença se desenvolva significativamente. Os dois patógenos mostram pouca atividade abaixo de 5 °C, mas a produção de esporos é máxima em 18 a 24 °C, no caso da A. brassicae, e, no caso da A. brassicicola, em temperaturas um pouco mais altas (20 a 30 °C). O ciclo da doença dura apenas de cinco a sete dias e epidemias podem se desenvolver rapidamente em tempo quente e chuvoso. No rabanete, as temperaturas necessárias para ocorrência de A. brassicae, A. brassicicola e esporulação é de 13 a 31 °C.​

Impacto e importância

Os efeitos mais importantes da ferrugem na folha de Alternaria referem-se à aparência do produto para venda. As produções poderão ser menores se uma contaminação grave causar a queda das folhas ou se for necessária poda adicional, especialmente em culturas vulneráveis, como a de repolho chinês, pak choi e nabo. No cultivo de sementes a doença pode afetar o rendimento e o tamanho das sementes. As culturas também podem ser recusadas devido à contaminação grave das sementes. A gravidade da doença poderá ser maior se o acamamento tiver ocorrido durante ou pouco depois do floração da cultura. Pouco se sabe da resistência a essa doença nas espécies de brássica e a única opção dos produtores é usar fungicidas de aplicação foliar assim que as culturas começarem a demonstrar sintomas. Os fungicidas também são usados no cultivo de sementes para proteger as cápsulas de sementes.​

O controle da Alternaria spp em sementeiras com o tratamento das sementes contribui para o manejo geral dessas doenças.

Apron® XL